8 de novembro de 2017

O Espaço Entre Nós

Olá amores, vim compartilhar com vocês um filme que assistir a pouco tempo. Uma historia que me encantou muito, onde envolve romance com ficção cientifica.



Resultado de imagem para o espaço entre nósO adolescente Gardner Elliot (Asa Butterfield) é o primeiro humano nascido em solo marciano. Mas ele deseja fazer uma viagem à Terra para conhecer a verdade sobre seu pai biológico, e sobre seu nascimento. Nesta jornada, ele tem o apoio de Tulsa (Britt Robertson).







O Espaço Entre Nós, um filme que envolve ficção cientifica com um clichê romântico.
Conta a historia de um adolescente Gardner Elliot (Asa Butterfield), que foi o primeiro garoto que nasce e sobreviveu em solo marciano. Ele deseja muito ir a Terra para conhecer suas origem e conhecer o seu pai biológico. Em nesta aventura ele tem apoio da garota Tulsa (Britt Robertson), uma jovem que se conheceu através da internet mas nunca conhecido pessoalmente, mas para começa essa historia maravilhosa, uma pergunta surge Do que você mais gosta na Terra?, ela ficará na sua cabeça até terminar o filme.

Há 15 anos , uma expedição comandada por Nathaniel Sheperd (Gary Oldam) seguiu uma vigem para provar que era possível viver no planeta vermelho, porém a astronauta Sarah Elliot (Janet Montgomery) descobre que está gravida e que não é possível retornar a Terra. Assim, Sarah dá a luz ao bebé no espaço, mas infelizmente não resisti ao parto. Garden sendo impossibilitado de volta a Terra, Nathaniel decide manter a criança em segredo e vivendo em Marte, assim tornando ele o primeiro humano marciano.


Imagen relacionada

Gardner criando por cientista, vê Kendra (Carla Gugino), uma cientista como uma figura materna, criando um laço de amor forte. O garoto é muito inteligente, criando robôs e maquinas, além de montar e desmontar computadores. Mas para ele isso não é suficiente. Em seus 16 anos, Gardner quer poder ir mas além e saber sobre seu passado, como era sua mãe e descobrir a identidade do seu pai e, é claro, conhecer a Terra. Para ele se sentir próximo do planeta, ele conversa virtualmente com Tulsa, uma garota que vive trocando de lares adotivos e que sonha alcançar sua liberdade.
Após de vários testes, chega-se a conclusão de que é possível levar Gardner para Terra, contra a vontade de Nathaniel. Por tanto, ao chegar no planeta, os cientistas descobrem que o coração do garoto não resistirá por muito tempo por conta da gravidade zero, e por esse motivo faz com que Gardner tome uma decisão de fugir e claro, com o apoio de Tulsa decide ajudá-lo a encontrar seu pai biológico. Durante essa jornada, ambos irão descobrir o amor nas coisas mais simples e delicadeza em cada canto da Terra.

Imagen relacionada

O filme tinha dois caminhos para trilhar. O roteiro poderia ser desenvolvido em um ponto de vista cientifico, mostrando como o homem nasceu e foi criando em Marte, porém O Espaço Entre Nós passou pelo caminho de nós mostrar uma historia de amor entre duas pessoas totalmente diferente. Em minha opinião, a historia é muito maravilhosa, mostrar a forma diferente, delicada e simples que toca o coração de quem assistir. O diretor Peter Chelsom, passa para nós a forma de contato do garoto com a Terra, as suas curiosidades, o tato com os objetos e a sensibilidade com o toque de outra pessoa.

Me apaixonei por esse filme, poderia ver mil e mil vezes. Os efeitos que fizeram, os contraste com as cores com o planeta Terra e Marte, foi tão maravilhoso que parecia bastante reais. Eu gostei muito e quem não assistiu, assista porque quem é uma romântica maluca como eu, irá amar e chorar ao mesmo tempo. Agora me diz vocês leitores o que mais gosta da Terra?

Nenhum comentário

Postar um comentário

Layout Free - Design e Desenvolvimento por: Adorável Design